As motos são meios de transporte muito utilizados pelos brasileiros, principalmente nas grandes cidades. O elevado número de serviços de entrega nas metrópoles urbanas faz com que a quantidade de motos cresça ainda mais. E manter a proteção é sempre válido, certo? Por isso, aqui discutiremos as vantagens e diferenças de se ter um rastreador ou um seguro para a sua moto.

Apesar de representar apenas 27% da frota de veículos no Brasil, as motos contabilizaram 74% de todas as indenizações pagas no ano de 2017. Os motociclistas ainda contam com o maior percentual de mortes no trânsito, com 34,2% do total. A cada ano, cerca de 1.000 motociclistas perdem a vida em acidentes.

Portanto, é muito interessante possuir um serviço de proteção para a sua moto. Há diversos tipos de equipamentos disponíveis, como rastreadores, localizadores e bloqueadores. Adicionalmente, é possível contratar um serviço de seguro. Para cada uma destas opções existem prós e contras. E aí? Você sabe quais as diferenças entre um rastreador e um seguro para a moto? Confira!

Rastreador de moto

Os rastreadores são equipamentos voltados à proteção do veículo e segurança do motorista. Estes dispositivos são pequenos, leves e de fácil instalação. Na maioria dos casos, são conectados a uma sistema GPS (sigla do inglês Global Position System), o qual realiza a transmissão de dados via satélite.

Assim, a precisão da localização da moto é alta, o que possibilita uma grande segurança em furtos e roubos. Pelo fato da moto com rastreador ser monitorada constantemente, em tempo real e 24 horas por dia, em situações de assalto é possível que o motociclistas ajam com mais tranquilidade.

Desta forma, os criminosos poderão levar a moto, mas estarão sendo rastreados. As autoridades policiais conseguirão alcançar o veículo com precisão, o que levará à maior chance de recuperação da moto. Adicionalmente, alguns rastreadores podem ser conectados a um sistema de bloqueio, o qual desliga a moto e impede a fuga dos ladrões.

Para se ter um rastreador, basta pagar uma mensalidade de aproximadamente 60-100 reais. O processo é simples e rápido. Ainda, estes dispositivos são instalados em um local secreto na moto, o que acaba por dificultar o seu desligamento pelos ladrões.

Todas estas características tornam os rastreadores muito eficientes, mantendo a sua vida e as condições da moto em maior segurança.

Seguro para moto

Os seguro para motos visam proteger financeiramente o veículo de danos, furtos e roubos. Em casos de acidentes, é possível pagar apenas a franquia do seguro que o seu veículo será reparado sem custos adicionais.

Entretanto, pelo fato das motocicletas estarem muito mais expostas aos riscos do trânsito, o valor do seguro para danos costuma ser muito alto. Em alguns casos, este valor chega a superar o preço da própria moto! Consequentemente, são poucos motociclistas que contratam um seguro de danos para a moto.

A maioria dos seguros para moto são voltados a furtos e roubos, pois esse tipo de cobertura é mais vantajoso para os motociclistas, pois podem reaver o valor da moto por completo. É importante salientar que as seguradoras costuma utilizar a tabela FIPE para a análise deste valor. Algumas outras, pagam um valor menor, chegando a 60-70% do valor total da moto.

O fator que mais encarece o seguro para motos é a análise de perfil. Neste formulário, os dados pessoais e o estilo de vida do cliente devem ser inseridos. Então, quanto maior o perfil de risco da pessoa, maior será o valor do seguro.

Por exemplo, quanto mais jovem o cliente, maior será o valor. Do mesmo modo, o histórico de multas e a segurança do local onde a moto passa a noite encarecem o seguro. Portanto, dependendo das condições e finalidades que você irá utilizar a sua moto, o preço de um seguro pode ficar bem alto e não valer a pena.

Rastreador X Seguro para moto

As diferenças entre rastreador e seguro para moto são diversas. Em suma, o rastreador é um dispositivo barato para monitorar a sua moto, protegendo-a contra furtos e roubos. Já os seguros também são bem utilizados para esta finalidade em motos, porém o custo é maior e não indica a localização da moto.

Então, escolha a melhor opção para você e dirija com mais segurança e tranquilidade pelas ruas e estradas. Caso prefira, pode contratar os 2 serviços e combinar todas as suas vantagens!

Veja também 3 mitos sobre o rastreador veicular.